segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Descobri este fim-de-semana...



...Que a melhor sensação do mundo é mesmo fazer xixi quando se está deveras muito aflita há horas!

Na sexta descobri e ainda fui a tempo à rota das tapas no Bairro Alto. Que maravilha, comer/beber e andar, percorremos o Bairro todo, vi pessoas estranhas e divertimo-nos bastante. Quando viemos embora já quase que nem aguentava de tão aflitinha!
No sábado, festa de aniversário de duas amigas ao mesmo tempo, jantamos nos petiscos e bebemos bem (qual o meu estado? aflitinha!). Fomos a um bar e de seguida fomos ao rock...bebi mais ainda (não estava a conduzir...) depois discuti com o meu gajo, doeu dissemos coisas horríveis, mas acabou em bem: ora estávamos nós na pista (pois o meu grupinho que fica sempre junto à janela não foi) quando aparece uma gaja que deve ter fixação pelo meu mais-que-tudo e cada vez que lhe vai falar agarra-se ao pescoço dele, estando eu ali ao lado ou não. Após isso já eu estava a olhar de lado, vai a puta e começa-se a roçar no meu gajo aiiiiiiiiiiii explodi. Fiquei louca, só me apetecia agarrar-lhe pelos cabelos e mandá-la das escadas abaixo, apetecia-me partir-lhe aquela boca toda. Mas como não sou violenta dei-lhes um empurrão e saí disparada, parecia um furacão. Vieram duas amigas e o meu gajo ao que parece chamou a atenção à gaja e ela pediu-lhes desculpas...pffffff
Essa gaja está a pedi-las...eu já nem estava a ver bem. Dissemos o que tínhamos na alma, acalmámos e voltámos lá para dentro. Eu bebi mais um copo...curtimos o resto da noite e a gaja nem se aproximava...
Ao chegar a casa a minha cabeça andava à roda...eu aflitinha para variar...deitei-me a rir às gargalhadas e nem me lembro de adormecer...dormir imenso, tive pesadelos com aquela puta e quando acordei parecia ter sido atropelada por um camião...
Nada de ressaca apenas com sede! Comi um pouco, bebi muita água, vi o Benfas, ri imenso com o meu gajo (assim é que eu gosto de estar com ele) e hoje há-que trabalhar apesar de não apetecer nada!

Boa semana




8 comentários:

  1. Eu tinha tido uma conbersinha a sós com ela!

    ResponderEliminar
  2. Bem, isso é que foi um fim-de-semana preenchido! E acho que em relação à moça... tinha-me passado à séria! Beijinhos*

    ResponderEliminar
  3. ahahah Ai filha, como tens razão. Urinar depois de muito tempo a apertar é meeeeesmo bom.

    ResponderEliminar
  4. Há cada uma, credo. Mas estas pequenas discussões são necessárias para depois se fazer as pazes.

    ResponderEliminar
  5. Que cena....
    E sim quando fazemos xixi depois da aflição é uma sensação de alívio do caneco. Até respiro de alívio nessas alturas.

    ResponderEliminar
  6. Agora fiquei curiosa com a rota das tapas, é experimentar um pouco de tudo até ter estômago que aguente tanto petisco bom?
    Parece-me bem ;)

    ResponderEliminar
  7. Realmente a sensação de alívio é uma coisa espetacular :)

    Quanto à gaja, há gente que não se enxerga! Então depois de ver que o moço está acompanhado por uma bela moça, a tipa faz-se a ele?!? Um murro nas trombas era pouco!

    ResponderEliminar