terça-feira, 31 de março de 2015

Porque eu mereço #3


Para comemorar este horário de verão que eu tanto adoro, nada mais bom do que estas flores com cheiro a gomas! 
Isto existe??? Yaaaaa eu descobri-as no sábado, chamam-se frésias e já fiquei fã!!!!




(já não há tulipas porque a época delas acabou...humpf)



segunda-feira, 30 de março de 2015

Esqueci-me completamente e profundamente


Que o meu cantinho fez 6 anos, no mês passado!
(Ai melher é imperdoável, mas este ano até tenho uma desculpa: é a lerdice de grávida!)



Parabéns a mim e a todos os bloguers que me lêem e que eu adoro! Tudo o que escrevi o ano passado mantém-se sem tirar nem pôr.
Abracinhos e voltem sempre ;)




quinta-feira, 26 de março de 2015

Que estupidez



Ando a ter com cada sonho mais parvo que chego a acordar assustada, tipo pesadelo mesmo:

No outro dia sonhei que andava o dia todo a comer bolachas porque não tinha mais nada.
Noutra noite foi sobre a toxoplasmose e os kiwis.
Ontem sonhei com sangue meu, ora na sanita, ora na banheira...
Hoje sonhei com enguias/lampreias ou o raio que as parta, tipo cobras pequenas. Eram 3 e andavam atrás de mim pela casa e mordiam-me os dedos das mãos. Até que consegui atirar uma pela janela fora e acordei...assim que acordei pensei em facas ou machados para acabar com elas....

Ó mas que raios isto agora, hein?




terça-feira, 24 de março de 2015

Merde...






Logo agora que eu já sonhava com dias cheios de sol e quentinhos, já tinha arrumado os casacos de inverno e hoje voltei a usar. Estava imenso frio de manhã e não me convém apanhar este frio, ando a saquinhos de água quente e hoje vou à medica...




segunda-feira, 23 de março de 2015

Só comigo #13



Na sexta fui de novo ao Hospital e desta vez a minha médica estava lá nas urgências.
Trocou-me o magnésio, pois o o primeiro que me receitaram estava a fazer-me dores de estômago e distúrbios intestinais... (não morro do mal, morro da cura)!!!! 
A indicação dela foi: ou eu começo a ter uma vida mais sossegada ou fico de cama de vez.
Passei bem o fim-de-semana, mais calmamente, menos acelerada, assim como manda a "sapatilha"!
Hoje de manhã, prestes a sair de casa para vir para o trabalho, ía eu calçar-me e tufas mandei um mau jeito às costas que me deu um choque pela perna abaixo, ficando sem forças. Até vi estrelinhas. Fodasse estava eu tão bem.
O mais-que-tudo não me queria deixar vir para o trabalho, mas que desculpa iria eu dar: magoei-me na segunda-feira?? Muito conveniente hein?
Ó céus, conduzi muito a custo e agora estou aqui que nem tenho posição para estar na cadeira. Só me apetece é desandar daqui para fora, mas até tenho vergonha, fodasse.
Que estupidez pah, dói-me imenso as costas, não me consigo quase mexer, andar e muito menos dobrar e tenho de estar aqui pelo menos até às 15h...



sexta-feira, 20 de março de 2015

Porque eu mereço #1


Houve um sábado que se fez luz: e seu eu me mimasse com flores, já que adoro?
Bem dito e bem certo, tufas comprei as mais lindas! 


Agora a minha mesa de cabeceira ficou com mais vida!

(E hoje começa a Primavera :D)





quinta-feira, 19 de março de 2015

Dia do pai diferente


Daqui em diante os dias do pai irão ser todos diferentes.
Já não sou apenas a filha do pai, agora há um pai do meu filho...


Em jeito de brincadeira resolvi oferecer-lhe isto:







terça-feira, 17 de março de 2015

Montanha Russa


Assim ando eu...É tudo novo, é tudo estranho para mim.
São as ditas hormonas, são as mudanças constantes no meu corpo, são as mudanças na vida social, nos telefonemas e mensagens. São as idas aos médicos, a roupa que deixa de me servir, os cheiros que me incomodam, a saliva que se junta na boca para comer algo que quero muito, as dores no peito, o sono, os enjoos, as borbulhas que tendem em aparecer, os quilos de creme que coloco, as historias que ouço, os medos, os anseios, os nervos à flor da pele, os palpites de todos, o respirar fundo...

Tirando isto (não sei bem o que sobra), não me sentia muito grávida até ter de ir a correr a uma H&M comprar 2 pares de calças de ganga para grávida porque as minhas de uma semana para a outra deixaram de me servir por completo. Só me restam vestidos e saias, também quase ali no limite. 
Os meus colegas e o mais-que-tudo são os primeiros a dizerem-me que tenho prioridade nisto e naquilo pois para mim somos todos iguais e nem me recordo desses pormenores.

Continuava sendo eu, a SuperSónica, a acelerada de serviço! Continuava a correr literalmente quando me deslocava: ora porque tinha pressa, ora porque tinha uma ideia e tinha de partilhar ao próximo, ora quando me chamavam, ora porque o telemóvel estava a tocar e eu estava longe, ora porque chove e o meu carro está a uns metros...Correr. Andar depressa. Não parar quieta. Agora já com o sono a acalmar e mesmo sem cafeína lá andava eu, a fazer as minhas coisitas que sempre fiz, ultimamente nem ao domingo já descansava no sofá a ver filmes. Comecei a ficar ansiosa e a ter insónias.

Resultado? Dores.

Falei com a minha médica, mandou-me ao hospital e agora cá estou eu, esta semana, em repouso para abrir a pestana. A minha irmã recomendou-me a compra de uma cinta/faixa para amparar a barriga, pois com ela passaram-lhe logo as dores. Fiz mais uma vez uma eco: ouvi de novo o coração e vi-lhe mais uma vez o sexo. Já disse que adoro estes momentos? fazem-me sentir mais perto dele, que ele está ali...embora com uma ansiedade para o ver e ter nos braços...   

Tenho de me acalmar urgentemente, se não corro o risco de ficar de cama o resto do tempo e ainda falta tanto...



quinta-feira, 12 de março de 2015

Estou lá


Adoro esta Mulher e as coisas que escreve. Está tudo dito:



É esta entre os 34 e os 35 anos, ainda perto dos trinta mas quase na fronteira do meio da década, ali a dobrar para a proximidade dos 40. Nem mais um ano nem menos: agora: hoje.
Tenho 34 anos, quase 35 e nunca gostei tanto de quem sou como agora, hoje. Todos os dias acordo e penso que tenho uma vida boa, que tenho sorte, que tenho audácia e talvez por isso também sorte, não sei bem, tenho cada vez menos certezas e nunca convivi tão bem com esse facto. Sim, tenho sorte, às vezes o universo conspira mesmo, às vezes o esforço e a audácia não chegam, às vezes o suor, o sangue e as lágrimas não são suficientes para se alcançar o que se deseja. Nem sempre o nosso destino está nas nossas mãos e na nossa vontade. Às vezes life sucks mesmo. Continuo, por uma questão de fé ou de superstição- não sei bem- talvez por descargo de consciência, a dizer baixinho para mim mesma que a sorte favorece os audazes: encoraja-me a agir, a arriscar, a seguir em frente.
Sinto-me bem. Gosto de mim. Gosto mesmo. E todos os dias acordo a repito que mereço coisas boas. Acreditar que sou boa pessoa e mereço coisas boas foi a melhor decisão da minha vida: orienta-me para coisas positivas, faz-me evitar coisas que me chateiam, faz-me rodear de gente de quem gosto, admiro ou com quem posso aprender alguma coisa e não gastar tempo com gente com más energias, faz-me despender energia com o que, no fim do dia, do mês, do ano ou da vida acredito que me vai fazer sentir que, sim senhor, valeu a pena.
Não me importam os que não se importam comigo. Não me preocupa o que pensam de mim as pessoas de quem não gosto, não legitimo ou não respeito intelectualmente. Aprendi a ser indiferente a uma série de coisas, a projectar tudo no futuro ("Qual a importância que este episódio vai ter para mim daqui a um ano?"- pergunto-me regularmente), a encolher os ombros, a sorrir com condescendência, a pensar alto "que se foda!"
Acreditar que mereço coisas boas, não sei se por sorte ou audácia- talvez um misto de ambas- fez com que as coisas boas começassem a acontecer-me. E, caraças, se eu as mereço...




quarta-feira, 11 de março de 2015

Continuação do post de ontem:


Não é que seja mete-nojo ou muito picuinhas, mas odeio que façam o mesmo com a minha caneta: aquela que eu uso todos os dias, que vou trocando a carga quando acaba, que é a minha preferida....

O mesmo acontece no meu rato e telefone: lá vou eu de seguida desinfectar tudo!




terça-feira, 10 de março de 2015

Daquelas coisas #18



Mete-me nojo, e agora em estado de grávida estou pior ainda, quando alguém me vem cumprimentar com aperto de mão, e as mãos dessa pessoa estão completamente suadas.
Blheeeecccc
Muito discretamente fujo para a casa-de-banho para lavar as mãos. É que mete mesmo muito nojo.



sábado, 7 de março de 2015

Opah Adoro!


Saio de casa. Está um sol maravilhoso, uma luz e temperatura que aquece de imediato a alma. Fico encadeada e assim que fecho a porta da rua atrás de mim, eis que dou de caras isto:


No meio das ervas está esta única linda flor a sorrir para mim.  
Venha de lá o sol, o verão, o calor e a emoção que a malta bem precisa!!!!




quarta-feira, 4 de março de 2015

Está complicado!



A escolha do nome tem gerado imensas discussões positivas, incluindo pela família!


  • Afonso: nem pensar pois seria o primeiro na escola;
  • Gabriel: é giro mas o mais-que-tudo diz que eu só gosto de nomes de anjo;
  • Eduardo: eu adoro e o pai detesta;
  • Gonçalo: gostamos não não adoramos;
  • Francisco: não, já lá tenho um em casa: é gato e é preto!!!!
  • Leonardo: tem nome de pintor e de tartaruga-ninja...não;
  • Lourenço: nome palpitado pela minha cunhada: não;
  • Miguel: nome palpitado pela minha irmã: não;
  • Tomás: rima com: "isso não se faz"! Não;
  • Óscar: nome de cão;
  • Alexandre: não pois existe um cão na família de nome: Alex! 
  • Rodrigo: já há na família;
  • Rafael: eu adoooooro e tem nome de pintor, tartaruga-ninja e anjo! 
  • Ricardo: o pai adora pois tem nome de Rei e do avô dele;

Estes dois últimos foram os nomes que ficaram, por gosto e exclusão de partes. Já fomos a votações, já tirámos à sorte e deu Ricardo mas eu ainda não estou totalmente convencida....




terça-feira, 3 de março de 2015

Low cost é o que se quer!


Graças aos astros, o que não me falta à minha volta são mães recentes, quer de menino, quer de menina. Já para não falar da minha querida cunhada que tem a sua loja de roupa de criança e um armazém cheio!
Resultado? Já tenho tanta roupa de menino até 1 ano que não vou precisar de comprar nada!
Cama, banheira, berço, carrinho e ovo também já estão a caminho e não precisarei de comprar.
Assim posso poupar imenso para outros gastos calculados!




segunda-feira, 2 de março de 2015

Não acredito nisso dos desejos


Mas que eu já andava a salivar por uvas, lá isso andava:



E que boas que elas são.
Todos os dias quando chego do trabalho como umas quantas, nhamiiiiiiiiiii!
A próxima aquisição serão morangos, pois ontem fui ao mercado do chocolate em Cascais, onde para além de muitas iguarias com aquele cheiro maravilhoso e delicioso a chocolate, comi morangos com chocolate quente, soube-me assim pela vida...