sexta-feira, 11 de julho de 2014

Senhor: dai-me paciência, se não, parto-lhe as trombas.



A semana não poderia estar a correr melhor, até que a bruxa cá do burgo se lembrou de me fazer a vida negra. Ora fui chamada ao gabinete da direcção para ser espezinhada e chamada de incompetente, coisas que apenas uma mente bastante mesquinha se lembraria de fazer. Fui sem nada saber e defendi-me com unhas e dentes pois sabia que era mentira o que era ali descrito.
O meu chefe defendeu-me e o meu director estava a tentar amenizar a situação, pondo anos quentes naquela vaca de merda que eu já não a podia ouvir. Aquela voz nojenta, aquele aspecto nojento, a sua figura fraca, baixinha e redonda a querer ser a rainha do pedaço. Pensava ela que eu teria medo ou que me calasse, pois enganou-se redondamente. Cada vez que ela abria a boca eu respondia-lhe à letra e quase que a mandei calar numa altura em que lhe disse que exigia respeito.
Muito blá blá blá e eu estava mortinha por sair dali. Saí e fui direita ao meu posto de trabalho: imprimi um email (pois se há coisa que aprendi com o meu director é que se deve deixar tudo escrito), levei o email e mostrei a prova de que ela estava a mentir, prova de que não sou incompetente e que sei fazer o meu trabalho muito bem.
Saí daquele gabinete triunfante, fodida de raiva com aquela cobra, mas sorridente. Ainda fiquei a tremer por alguns minutos pois se há coisas que odeio são injustiças. Depois o que me sossegou foi a minha aula de coaching, e espero continuar zen, como estava...






16 comentários:

  1. É preciso ter muita paciência mesmo para ter de se aturar esse tipo de personagens. Mas estiveste bem e saíste triunfante! :D

    ResponderEliminar
  2. eh pá há pessoas que não valem mesmo nada...ao menos tens por escrito, o que é muito bom!
    Eu também tento ter tudo por escrito já por causa das coisas !

    ResponderEliminar
  3. Fogo, que coisa feia que te fizeram. Ainda bem que saíste por cima :)

    ResponderEliminar
  4. Se há coisa que aprendi é que não nos devemos calar quando nos insultam, ter tudinho por escrito é outra coisa que comecei a fazer. Fizeste muito bem para ela ver com quem se mete.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nunca mais me vou calar, isso podes ter a certeza.

      Eliminar
  5. Que vaca, estava a acusar-te sem saber a história toda.

    ResponderEliminar
  6. Nossa... ai milher estás feita com essa gente!

    ResponderEliminar
  7. Mas esses bichos nojentos existem em todo o lado??? Irra!!!

    Abençoado coaching, senão também já tinha batido ou mordido em alguém!!!

    ResponderEliminar
  8. Às vezes temos de respirar fundo. ;)

    ResponderEliminar